Primeira Viagem aos Estados Unidos – Nova York.

Bom e que tal falarmos hoje sobre os Estados Unidos? O país de onde surgiram as grandes redes sociais como: facebook, instagram, twitter e por meio desta
última o seu atual presidente faz declarações bem polêmicas!
Mas vale lembrar que o país também teve vários expoentes na luta contra o racismo, como Martin Luther King Jr, Rosa Parker e um presidente bem popular. (Barack Obama). Os EUA foram meu primeiro destino quando decidi começar a viajar. Por isso no vídeo abaixo coloquei de volta as origens. Mal sabia que viajar era viciante e um dia iria abrir um blog de viagens.
Por isso é com muito carinho que falo dos EUA.
Vamos falar dela, a “big apple”, mais conhecida como NYC, ou para os
brasileiros, simplesmente Nova York, a cidade que nunca dorme.

O que fazer por lá?

O turismo é uma das atividades mais importantes de NYC. Com mais de 40 milhões de turistas nacionais e internacionais. Eles a visitam anualmente. Vale ressaltar que alguns hotéis são bem antigos e você pode ficar eventualmente preso em alguns deles. hehe.
Dentre os principais pontos turísticos se incluem: O Empire State, a ponte do Brooklyn os Shows da Broadway, etc.
Falando nela, a Broadway é uma avenida que corta diagonalmente as ruas de Manhattan sendo uma opção que pode poupar uma boa caminhada. Já a Times Square é famosa por seus letreiros luminosos e por ser um cruzamento de duas grandes avenidas a Broadway e a 7ª avenida (7th avenue). Nela está a escadaria vermelha que é a mais fotografada do mundo. E muitos, muitos museus. Faça um favor a você mesmo, se você for à Nova York visite pelo menos dois museus. É possível aprender muito sobre as histórias das civilizações e muitas outras coisas. Eu por exemplo visitei a exposição sobre a era dos imperadores. Lá aprendi que o império bizantino foi o primeiro a começar a usar moedas, da forma como a conhecemos hoje. Elas ligavam a figura do imperador ao seu exército. Assim trazia a imagem do imperador no verso. Eles usavam muito ouro muita prata e muito bronze.

Central Park

Lembre se de dar uma paradinha no Central Park. Lugar bom para se fazer um piquenique, caminhar, ir à eventos locais, e descansar da selva de pedra. E é sempre bom mencionar que há barraquinhas de comida ao redor dele, na parte de fora. Perto das bordas do parque. As comidas são bem baratas e gostosas. Dá para economizar bastante com elas.

Bom, se você for fazer o piquenique lembre-se de levar o seu lixo com você até a lixeira.
Após a pausa do almoço você pode se sentar nos bancos do parque. Cabe aqui ressaltar que é bem legal a ideia de você não está apenas sentado, mas descansando ou passeando
sobre memórias! Sim, cada  pedacinho desde os jardins até os bancos para sentar vieram de doações. É como se as memórias descansassem e trouxessem um conforto para os visitantes, além de ter sido uma ótima ideia para envolver a comunidade na conservação do parque.

5ª avenida (5th avenue)

É um local cheio de lojas de luxo gigantes, para você que gosta de consumir ou de produtos de grife, é recomendável passar por lá.

Estátua da Liberdade

E claro que não podemos deixar de fora a Estátua da Liberdade. (Liberty Statue)
Sim, é possível visitar a tocha da estátua, mas você deve estar disposto a subir e descer 162 degraus apertados e sem elevador! Ah, e antes disso lembre-se de verificar o clima, pois se estiver chuvoso ou nevando a visitação da tocha pode estar fechada. Mesmo assim você tem como tirar uma “selfie” com ela. (Há pessoas fantasiadas de estátua nas proximidades) Ou pegar uma selfie da Estátua sozinha em tempo real! Para isso basta entrar no site: https://www.earthcam.com/usa/newyork/statueofliberty/?cam=liberty_crown

Como chegar a Nova York?

Pelo ar: falamos da maior cidade dos Estados Unidos sendo a sexta do mundo. Ela é servida por três aeroportos: JFK (John F Kennedy) LGA (Laguardia) e EWR Newark Liberty International Airport. Há integração com o metrô e você pode chegar fácil ao centro de Nova York.

Pelo mar: Você sabia que Nova York é formada por ilhas? Pois é, e a principal se chama Manhattan. Isso mesmo, Manhattan é uma ilha e junto com ela o Brooklyn, Queens, Bronx e Governors Island formam a cidade de Nova York. É como se fossem os bairros da cidade entendeu? Assim é possível chegar por meio marítimo também.

Por terra: É claro que por meio rodoviário também é possível chegar. Pelos
túneis: Lincoln, ou pelo Holland. E também pela ponte George Washington. Estes são os principais meios de se chegar de carro. (Ou de ônibus) lembre-se que há pedágio.

Como se locomover?

Ok, você já está dentro, e agora, como se locomover?
A principal forma é a pé. Sério, Nova York é bem mais acessível a pé do que se imagina.
Depois temos as bicicletas, que nem sempre estará disponível para retirada nas estações.
E como terceira opção temos o metrô. Aliás há tanto metrô na cidade que fica um pouco confuso entender para onde vai e qual é a linha certa. Requer-se cuidado para não pegar a linha errada. Caso contrário você pode ir parar do outro lado da cidade. Especialmente  se pegar uma linha expressa por engano. felizmente o transporte é integrado e em
caso de erro você pode voltar e tentar novamente sem precisar pagar outra passagem. A dica aqui é tirar uma foto da estação perto do seu hotel para não se perder e perguntar aos moradores locais qual é a linha certa que vai te levar para lá. Eles ajudam sim, e você pode voltar sem maiores problemas.
Por fim temos os famosos táxis amarelos, tão comum nos filmes de Hollywood que mostram Nova York. Eles estão por toda a parte. Assim, se você se desesperar e tiver um
tempinho sobrando entra como opção para retornar para o seu hotel, são e salvo.

Não recomendo alugar um carro… o trânsito de lá é bem congestionado. Por esta razão os táxis e carros próprios ficam como última opção dessa lista. Lembrando que se você alugar um carro é você quem vai abastecê-lo. (pagar de frentista abastecendo o carro
nos Estados Unidos é fácil! Todo mundo quer,  mas no Brasil a história é bem diferente
né?)

É isso vou ficando por aqui! Se você gostou das histórias e das dicas, se inscreve aqui no blog, deixa o curtir e compartilha. Fazendo isso você me motiva a continuar escrevendo histórias malucas pelo mundo.

Valeu pela visita e até a próxima!

AFRICA ASIA EUROPE NORTHAMERICA OCEANIA SOUTHAMERICA

Deixe aqui seu comentário