[ivory-search id=”804″ title=”Procurar por ?”]

Bom, se você acompanha este blog, então já sabe como chegar ao Marina Bay Sands, Para se lembrar o post está aqui: https://1aviagem.com/singapura-sobre-exposicoes-e-o-marina-bay-sands/

Mas é claro que ainda faltou muita coisa sobre este país.

Então, este post é complementar ao anterior, com mais curiosidades, dicas e lugares para visitar.

Curiosidades:

A primeira coisa que você não deve, nem pode fazer em Singapura é… mascar chiclete!

E essa dica eu peguei no metrô, tem as plaquinhas avisando que não se pode mascar chiclete. E eu fiquei me perguntando, mas por que disso? E fui atrás da resposta. Encontrei o seguinte:

O governo fez um estudo e verificou que o custo de manutenção das bocas de lobo de águas pluviais, do patrimônio público, das portas do metrô, etc, era muito alto por conta da goma de mascar grudada neles.

Então eles simplesmente decidiram proibi-la no país. A multa é de SGD 500,00 (dólares de Singapura).

Por isso o chiclete é proibido em Singapura. Mas há algumas exceções, como goma de nicotina ou para fins medicinais. Estes são permitidos.

Achou muito pagar 500,00 dólares por um chiclete?

Corrupção:

Então escuta a resposta do meu taxista sobre a corrupção.
Por ter lido que Singapura estava entre os 10 países mais honestos do mundo de acordo com o IPC: (seria o 6º mais honesto) Dados que estão neste site aqui: https://www.ipc.transparenciainternacional.org.br/
Por isso resolvi perguntar ao taxista qual era a sensação de corrupção dele.
Ele tomou um susto com a pergunta e respondeu assim:

“Corrupção? No meu país? Não! Se alguém for corrupto leva pena de morte!”
Eu fiquei admirado com a resposta. A propósito no mesmo ranking o Brasil está na posição 96º de um total de 180. (dados de 2017).
Falando ainda sobre curiosidades, eu tinha um desejo de andar em um Toyota Prius. Pois ele é um dos poucos carros híbridos no Brasil (isso quer dizer que é movido a gasolina e eletricidade. Eu gostaria de ter um, porque economizaria bastante com combustível. Mas infelizmente ele é muito caro para um brasileiro. Já em Singapura ele serve como táxi, e é quase um carro popular.

DICAS:

Passe pelo menos duas diárias no Marina Bay Sands – MBS.
Se passar apenas uma você com certeza não conseguirá explorar tudo. Motivos para se hospedar por lá:

 1- Não se preocupe com o tipo de plug da tomada do seu carregador, lá a tomada é universal para plugues. Inclusive são disponibilizadas duas portas USB próximo às tomadas, é ou não é o sonho de todo viajante? 😄

 2- Economize no café da manhã.
Eu sei que o primeiro restaurante informado pelo staff do Marina Bay será o belo restaurante da cobertura no 57º andar. Mas se você quiser economizar desça até o piso B2 e faça o seu café da manhã lá. Há uma ala da alimentação com preços bem mais em conta. O preço varia de 50,00 (no restaurante do 57 andar, para 10 ,00 dólares no piso B2. E se você quiser ainda pode pedir para levar o lanche e tomar dentro do seu apartamento com a bela vista de lá. (que é quase igual a do restaurante).

3- A maior piscina de borda infinita do mundo.

Está no topo do MBS, do outro lado, oposto ao restaurante. Essa não pode faltar, pelo visual e pela sensação de estar dentro da água a mais de 200 metros de altura. Além de refrescante é muito agradável e bonito o ambiente. Dica extra, vá a tarde, a água estará mais aquecida, você poderá ficar até o por do sol que visto das alturas fica mais deslumbrante. Além disso o sol não estará tão forte e você ainda pode ficar em uma espreguiçadeira que fica dentro da piscina. Fazer isso é muito relaxante, e agradável…
Mas para acessar a essa maravilha você precisa estar hospedado no hotel. Pois só se chega a ela com o cartão de hóspede.

Lugares para visitar:

Ainda que você não fique hospedado no MBS recomendo visitar o shopping center que fica no subsolo da rede hoteleira.
O motivo, tudo é feito para impressionar, inclusive tem um sistema de refrigeração em que abre uma parte do teto e a água escoa por dentro, como se estivesse mesmo inundando. É tanta água que após esse processo sai um barquinho de dentro do shopping e faz a volta pelo entorno dele. Você pode inclusive contratar esse serviço.
Outro local para visitar seria o cassino (também no complexo MBS). Achei interessante porque nas proximidades eles investiram em educação financeira, para que você saiba quais são os riscos, mas ainda assim tenha a coragem de arriscar.
No estacionamento é possível alugar um “supercarro” para dar uma volta. McLaren, Lamborguini, Ferrari, Porshe. mas isso custará SGD 300,00 por apenas 15 minutos…

Por fim o observatório do MBS, o Sands Sky Park também é possível visitar sem estar hospedado, mas paga-se SGD 20,00. Se estiver hospedado no MBS a entrada é gratuita.

Singapore Flyer

É a segunda maior roda gigante do mundo com 165 metros de altura. A entrada custa SGD 33,00. O legal é que você tem também uma vista panorâmica da cidade.

O interessante dela é que é uma roda gigante que nunca para, ela tem o tempo de 30 minutos de duração nas cabines. Isso significa que ela é bem devagar, você não fica com medo ao entrar na cabine. Este tempo é o suficiente para você aproveitar toda a volta e ver Singapura de uma visão única.

A rua Little India

É como um pequeno bairro indiano em Singapura ele tem fachadas bem coloridas e você encontra hotéis mais em conta por lá. É possível se hospedar nestes hotéis para contrabalancear o valor da diária no Marina Bay Sands.

Neste Bairro tem todos os tipos de estadias, desde as mais simples em que é só uma cama simples até as mais refinadas.

Gardens by the Bay

É uma espécie de jardim tecnológico que fica próximo à baía. A tradução literal seria: Jardins pela Baía.  É um local de conservação ambiental, como se fosse uma mistura de jardim botânico com uma usina solar, arquitetada para ser similar às flores. A ideia é mostrar que a energia flui, e assim como as plantas a luz do sol pode abastecer as cidades. O lema do local é tudo para todos e se refere à energia. Assim é um projeto de preservação ambiental que possui a maior estufa do mundo (em 2014). Essa estufa fica justamente na cúpula da flor. O jardim traz diversas espécies de plantas.

Aeroporto

Outro lugar “para visitar” seria o aeroporto. Ele mistura sustentabilidade, eficiência e conforto. Eles realmente pensaram no turista. Há locais com espreguiçadeiras, que dá para usar como camas, fontes de água ornamentadas, massagens para as pernas e pés. E tudo isso de graça. E você ainda avalia se o serviço do aeroporto está bom.

Aliás, o hotel dentro do aeroporto Changi é ainda mais confortável que o quarto comum do Marina Bay, além de ser mais barato! Ele traz como opções a mais uma iluminação que funciona como divisória, ela é espelhada no vidro e de fato bloqueia a vista para a parte do banheiro, podendo ser desligada ficando apenas o vidro transparente como divisória. o que acaba por integrar mais o ambiente. (com a banheira a mostra ou sem a banheira a mostra). E um chuveiro com 4 tipos de jato. Só que não tem a vista que o MBS tem, nem a localização é tão boa, fica afastado da cidade, mas você pode ficar nele e usar o metrô para se deslocar até a cidade. Só vai precisar de mais tempo, mas a estadia não fica devendo em nada. Ufa, deu até saudades de lá.

Bom, vou ficando por aqui, até a próxima. 😎

Para mais posts como este clica no mapa abaixo.

AFRICA ASIA EUROPE NORTHAMERICA OCEANIA SOUTHAMERICA

Anúncios